Relatório da CPI do IMAS gestor deve ser finalizado nos próximos dias

Com suspensão das sessões públicas e dos trabalhos da CPI, relator informa que relatório deve ser concluído em breve

Por Redação em Geral

16/04/2020 18:36

Relatório da CPI do IMAS gestor deve ser finalizado nos próximos dias

Relatório investiga irregularidades na gestão do do Hospital Dr. José Athanázio

Na edição de terça-feira (14/04) do Diário Oficial dos Municípios (DOM), a Câmara de Vereadores divulgou uma resolução suspendendo o prazo de conclusão da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) até 31 de maio. O prazo de conclusão encerraria nesta sexta-feira, 17 de abril. A CPI instalada ainda em 2019, tem a finalidade de apurar irregularidades no gerenciamento, operacionalização e na execução da administração da Fundação Hospitalar Dr. José Athanazio pelo Instituto Maria Schimitt (IMAS).

No entanto, conforme o relator da CPI, vereador Adavilson Telles, a conclusão dos trabalhos deve ocorrer antes dessa data, com o relatório conclusivo em fase final de elaboração. O relatório ainda precisa ser aprovado por todos os membros integrantes da CPI antes de ser divulgado no Diário Oficial, conforme previsão do Regimento Interno da Câmara. Após isso, o relatório será encaminhado a promotora de justiça Naiana Benetti, curadora da Moralidade Administrativa da Comarca de Campos Novos e para o Poder Executivo, a fim de que adotem medidas cabíveis.

Conforme o relator, a CPI ouviu 24 testemunhas, como membros do corpo clínico, diretores da Fundação e do IMAS, além de relatório de uma perícia contábil nas prestações de contas do IMAS de abril a outubro de 2019, sete primeiros meses do contrato de gestão assinado com a Prefeitura. Conforme adiantado pelo relator, o relatório apresentará pedidos como devolução de valores usados de forma equivocada, como pagamento de juros e multas em contas vencidas, a suspensão imediata do contrato e indiciamento de improbidade administrativa de alguns envolvidos.

Sessões permanecem suspensas:

Quanto a realização de sessões presenciais, seguem suspensas até 31 de maio na Câmara de Vereadores de Campos Novos, tendo em vista o decreto do governador dessa semana, que proíbe a realização de reuniões públicas de qualquer natureza como medida de prevenção ao coronavírus. Nesse período, os vereadores permanecem com as sessões virtuais, com transmissão ao vivo pelo Facebook nas terças e quintas-feiras.

 

Notícias Relacionadas

Folha Independente

Empresa Jornalística
Planalto Sul Ltda. ME

Folha Independente © 2020 Todos os direitos reservados

Desenvolvido por AVB Digital