Hospital de CN terá ala de atendimento para suspeitos de Covid

Ala contará com seis profissionais para atendimento exclusivo dos pacientes suspeitos.

Por Redação em Covid-19

22/06/2020 21:00

Hospital de CN terá ala de atendimento para suspeitos de Covid

Campos Novos registrou primeiro óbito na última semana

Com aumento dos casos de coronavírus em Campos Novos, saltando de 25 para 48 confirmados em 48 horas e a confirmação da primeira morte no município no domingo (21/06), o prefeito Silvio Alexandre Zancanaro anunciou novas medidas de prevenção, controle e redução dos riscos de transmissão do vírus. Em live na segunda-feira (22), ele afirmou que as datas especiais e feriados deste mês contribuíram para a elevação dos números, assim como aumento de diagnósticos em trabalhadores de empresas. 

O aumento da aplicação de testes rápidos em pessoas que tiveram contato com contaminados, também contribui para descoberta dos casos no município. No entanto, o ideal de testar toda a população é impraticável financeiramente, afirmou o prefeito. “O teste não é realizado aleatoriamente. Antes de sete dias de sintomas no indivíduo, os testes rápidos não têm eficiência, é jogar dinheiro fora. Por isso adotamos critérios de testar somente os sintomáticos ou que tiveram contato com pacientes positivos”, disse o prefeito.

O prefeito anunciou a partir de quinta-feira (25/6), a abertura de uma ala especial de triagem para pacientes com suspeita de Covid-19, com entrada separada da emergência geral. O acesso será pela Rua Coronel Lucidoro, aos fundos do hospital. Conforme o prefeito, essa área isolada de triagem e de monitoramento dos casos contará com uma equipe formada por médico, dois enfermeiros e três técnicos de enfermagem. Essa área irá atender os pacientes com sintomas gripais, assim como os profissionais de saúde e funcionará de segunda à sexta, das 7h às 19h.

Após a implementação da Central de Triagem, os pacientes com sintomas respiratórios serão direcionados e encaminhados para essa nova unidade, desafogando os postos de saúde dos bairros. Essa decisão foi anunciada pela secretária de saúde, Mayara Serena. Por isso a importância das pessoas com sintomas de Covid-19 antes de procurar atendimento presencial, entrem em contato pelo telefone (49) 3090-2160. As unidades de saúde, bem como o PAM, ficarão concentrados com os atendimentos eletivos, ou seja, procedimentos médicos que são programados, como agendamento de consultas. 

O prefeito também falou da suspensão de cirurgias pelos próximos 15 dias para coibir o volume de frequentadores no hospital, assim como intensificação das fiscalizações em empresas, bares e restaurantes quanto a utilização de máscaras e disponibilização de álcool gel. A fiscalização será feita pela Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Vigilância Epidemiológica. A partir dessas fiscalizações, o prefeito não descarta a implantação de medidas drásticas caso não haja colaboração, como interdição dos estabelecimentos e imposição de multas, assim como a implantação de um toque de recolher.

“Recebemos várias informações que alguns estabelecimentos estavam voltando com a vida normal, fazendo reuniões, extrapolando as regras previstas nos decretos. Ainda estaremos utilizando o bom senso, por isso pedimos a conscientização dos empresários e dos frequentadores com relação a higienização, distanciamento e uso de máscaras. Se faltarem com o compromisso coletivo, nós estaremos introduzindo punições financeiras e fechamento de empresas”, explicou o prefeito.

Na região da Amplasc são 150 infectados pelo coronavírus

Folha Independente

Empresa Jornalística
Planalto Sul Ltda. ME

Folha Independente © 2020 Todos os direitos reservados

Desenvolvido por AVB Digital